Cabecalho

31 julho 2012

Cronograma Capilar: porque e como fazer

Agora tenho uma noticia muito bacana, fui convidada pela Lucy para participar do grupo Cronograma Capilar no facebook e fiquei super honrada, porque sempre recomendo aqui no blog e por experiência própria não tem nada melhor para tratar dos fios.


Estarei com os especialistas no assunto que são os administradores do grupo Lucy Viana, Diana Lee , Liia Silva, Felipe Ursini e Carolina Barbosa, para tentar colaborar, mas já aviso que ainda preciso aprender muito com eles.


Por isso estou convidando vcs para participarem, conhecerem, tirarem suas dúvidas e discutirem sobre cabelos por lá, serão todas e todos bem vindos!


Para quem não sabe o cronograma funciona como um sistema, uma ordem para aplicar os produtos no cabelo, feito em 3 etapas (hidratação, nutrição e reconstrução).


Todas interessados podem fazer, não existe nenhuma restrição e com certeza encontramos opções variadas de acordo com a disponibilidade e bolso de cada um (a), os únicos requisitos necessários para o cronograma são: paciência (para entender um pouco mais sobre cada tratamento) e dedicação.


Para começar sem deixar esse post gigante, separei essa tabelinha aqui bem resumida para quem quiser dar uma lida, o post completo está aqui:

 

cronograma

Como começar?


Quem estiver disposto (a) para começar deve primeiro pegar todos as máscaras que vc tem em casa, colocam em algum lugar e começar a procurar pelos seus ingredientes qual categoria pertencem, lembrando que essa não é uma tarefa fácil porque muitas vezes aquilo que está no rótulo não é a sua real categoria.


As máscaras profissionais não costumam pertencer a apenas uma categoria, muitas vezes são de 2 ou então das 3, por isso deixe essas por último e use uma vez para reparar o seu efeito conforme a tabelinha mostra para classifica-la.


Se bater o desespero respire fundo, pode ir no grupo do cronograma e pergunte por lá, os administradores ou outras participantes irão te ajudar com os olhos fechados.


Olhar a formulação pode ajudar, principalmente com produtos importados que seguem a ordem decrescente de concentração de seus ativos (os nacionais geralmente fazem isso, mas não são obrigados), então qualquer coisa se tiver dúvida grite.


Com seus tratamentos separados chegou a hora de montar o seu cronograma:


Poderia muito bem falar para vcs que na primeira semana é y ou x, mas para realmente saber o que o seu cabelo precisa, faça uma hidratação, na próxima lavagem uma nutrição e na outra uma reconstrução.


Aquele que o cabelo ficar com aspecto saudável é o que precisamos aumentar a frequência, no tratamento que o cabelo não ficou bom diminuir, uma lógica simples.


Outro motivo de não existir um modelo pronto para a tabelinha é que cada um (a) lava os cabelos 2 vezes, 3 vezes, sei lá quantas vezes por semana, então não existe um padrão, o que vale prestar atenção aqui é intercalar em cada lavagem um tratamento.


Geralmente costuma dar certo:


  • Reconstrução: dependendo o estado do cabelo 1 x por semana ou 1 x a cada 15 dias, sendo bacana antes dela começar com uma hidratação, depois dela deve ser feita uma nutrição.
  • Nutrição: para cabelos lisos e/ou com coloração 1 x por semana, para outros tipos de cabelos 2 x por semana.
  • Hidratação: 2 a 3 x por semana independente do tipo de cabelo.

O que devo comprar?


A princípio nada, use aquilo que vc tem em casa, separa as suas máscaras e observe se falta alguma etapa.


Conforme vc usar e perceber que o cabelo reagiu melhor a alguma etapa, mas a sua máscara é fraquinha, invista e compre uma com qualidade bacana principalmente daquilo que seu cabelo precisa.


O segredo do cronograma é esse, não usamos aquilo que queremos, aprendemos a respeitar o que o cabelo necessita.


Se nessa hora o bolso estiver furado, não se desespere dá para improvisar algo, até que a situação melhore.


Sugestões para potencializar o que vc já tem:


Se estiver faltando alguma máscara reconstrutora potente, pegue a sua e misture com qualquer queratina, o resultado já será melhor.


Se o problema for a máscara nutritiva, coloque nela algum óleo (pode ser de coco, argan, macadâmia, tanto faz), que essa já ficará mais potente.


Se quem faltar for uma boa hidratação, se joga nas ampolinhas que são práticas e baratas, o que não vale é pular a etapa.


Cuidado com:


Aqui eu só chamo atenção para a reconstrução, em excesso ela deixa os fios ásperos, por isso quando começar a perceber o cabelo enrijecendo diminua a sua frequência.


Assim como a nutrição age em cabelos oleosos, quando começar a "pesar" e piorar a oleosidade, coloque a nutrição menos vezes no cronograma.


Agora vem uma dúvida bem engraçada, existem algumas máscaras que na teoria são de tratamento x, porém na prática o resultado é do tratamento y.


Isso acontece com mais frequência que vcs imaginam, então use e tire as suas conclusões, nada melhor do que observar como o seu cabelo reage.


O que mais devo saber?


Uma dúvida frequente sobre o cronograma é se devemos usar shampoo, condicionador, creme de pentear com os mesmos ingredientes do tratamento do dia, tem gente que entende que sim eu já discordo.


Eu uso sempre um shampoo para cabelos oleosos na pré lavagem depois uso um hidratante para cabelos coloridos no comprimento e pontas, não mudo essa minha rotina por causa do tratamento do dia, assim como creme sem enxague.


Acho que só devemos tomar cuidado com shampoos e cremes reconstrutores, a queratina em excesso faz mal, então se possível não use em todas as lavagens produtos a base dela (deixe isso para a máscara reconstrutora).


Mesmo não querendo, o post ficou gigante, mas grande parte do cronograma já está aqui.


Separe as suas máscaras em casa e comece a fazer, não tem como se arrepender porque além do resultado dos fios ser infinitamente superior a tratamentos aleatórios, no final das contas acabamos gastando menos porque aproveitamos ao máximo cada produto.


Participe do grupo, tire suas dúvidas e além disso descubra algumas máscaras bacanas por lá que outras pessoas gostaram, como comentei em alguns posts anteriores com essa onda de jabás que estamos vivendo na blogosfera é bacana ler também opiniões de pessoas que estão por fora disso, unidas para tentar dar dicas e trocar experiências.


Quem quiser saber mais pode entrar aqui no face!