Cabecalho

17 julho 2012

O que acontece quando as marcas não concordam com a sua opinião na resenha?


memes
Hoje resolvi comentar sobre um assunto polêmico, que vira e mexe bato de frente aqui no blog, quando a sua relação com as marcas é perfeita até que o post da resenha não foi repleto de elogios.


Independente de ter comprado ou ganhado o produto em questão, eu testo direitinho (não coloco nada meia boca) e depois faço a resenha, pois como está nas perguntas frequentes ou mesmo o combinado por e mail com as marcas a minha opinião é livre.


Não existe ainda produto universal, o fato de não ter gostado de algo não o faz ruim, é um pequeno exemplo de como aquilo agiu exatamente no meu cabelo ou pele.


O produto pode ter outros milhares de benefícios, eu coloco todos na postagem, mas deixo claro se alguma coisa não deu certo porque sei que tenho leitoras com o mesmo tipo de cabelo que o meu.


Dificilmente faço uma resenha descendo a boca em algum produto, entendo que não é porque eu não gostei que ele não presta, apenas espero dele aquilo que está na proposta da embalagem (salve código de defesa do consumidor).


Tenho noção que não posso esperar milagres de produtos de R$ 10 ou então o mesmo resultado de um produto de R$ 100, levo o custo x benefício em consideração, porém passo a exigir mais conforme as propostas aumentam.


Por isso sou mais "dura" com algumas marcas que prometem muito, em outras resenhas pego mais leve com aquelas com custo x benefício bom, que descrevem exatamente aquilo que ele é.


Mandar produto para blog testar é assim mesmo, quem está na chuva é para se molhar, pois vou testar e passar a minha impressão.


A mesma coisa acontece com quem coloca o produto no mercado, pois se comprar e não gostar vou colocar do mesmo jeito, mas se gostar a indicação é boa para a marca (toda moeda tem 2 lados).


Se for positiva ótimo, se for negativa coloco aqui novamente, foi a minha experiência pode não ser para todas.


Agora o que acho engraçado é como algumas marcas não se conformam, nos posts das resenham mandam a empresa inteira comentar e alguns, por mais piada que isso seja até perdem a educação.


É muito mais bacana a empresa se identificar, olha trabalho na ou com a marca x e uso esses produtos, no meu cabelo que é assim ou assado dá certo.


Ou então sugiram novas formas de uso para aproveitar o produto e realizar o teste novamente.


Não adianta bater o pé, se jogar no chão, me xingar de feia e boba porque na boa? O sistema de comentários que uso é o intense debate então vejo o e mail de quem está comentando, logo sei se é corporativo ou não (pelo menos isso ne? coloquem outro e mail para se passar por consumidora). Além disso, também vejo o IP logo se é o mesmo dããã é da mesma rede (local).


Não vou apagar esse tipo de comentário porque o blog é aberto, mas não sou tão estúpida quanto alguns pensam, por isso chega de menosprezar a inteligência das blogueiras.


Vamos manter um canal de comunicação, jogar limpo e tentar divulgar a marca dessa forma, garanto que respeito é bom e todas nós (blogueiras e leitoras) gostam.


Novamente comento que isso não acontece apenas com produtos enviados, muitos (mas muitos mesmo) que comprei tiveram sei lá quantos comentários da marca, por isso meninas abram os olhos até nos comentários não apenas posts como sempre alerto.