Cabecalho

18 janeiro 2013

Testei: Base Dream Liquid Mousse da Maybelline

resenha da dream liquid mousse maybelline

Agora meu novo vício: base!

Andei comprando diversas para testar de tudo um pouco, inclusive essa Dream Liquid Mousse da Maybelline que foi lançada um bom tempo atrás, mas havia deixado passar em branco até ler essa promessa da fabricante:

Sua fórmula fluida cobre uniformemente a pele camuflando os poros sem entupi-los. Poros 100%camuflados e toque acetinado.

Meus poros dilatados gritaram nessa hora, porque embora gostasse muito da primeira versão matte mousse que resenhei em 2009 sem muita experiência no assunto (quando acabou a minha empolgação com a textura), fui percebendo os seus defeitos.

Hoje em dia noto que ela é clara demais no meu caso (primeira vez que isso acontece rs), além disso transferi facilmente e marca um pouco os poros depois das primeiras horas após a aplicação.

É extremamente fácil para ser aplicada, além disso possui uma ótima cobertura, mas como comentei acima hoje em dia percebo esses seus defeitos.

Meu maior receio então com a líquida era que marcasse novamente os poros, mas depois de ler isso na propaganda da fabricante, quebrei o meu preconceito e tentei.

A minha cor é a porcelain ivory light novamente, porém essa quando aplicada acaba ficando perfeita, diferente da primeira base do potinho.

Aqui percebi a proposta diferente, a primeira tem acabamento mate enquanto essa acetinado, coisa que no calor do momento passou em branco até ler direito em casa.

pele

A sua textura é bem macia, espalha facilmente como a antiga, realmente sensacional a sua praticidade.

Porém a diferença começa na cobertura, essa tem uma leve para média, enquanto a outra era alta.

Se vc se esforçar e tentar esconder mais as imperfeições aumentando o número de camadas não dará certo, pelo menos no meu caso, achei que se fizer isso fica muito artificial.

É uma base bem dia a dia com cara de que não usei nada, realmente não marcou os poros, porém eles continuam visíveis porque não é o milagre que prometem.

Por causa do acabamento acetinado uso um pó compacto depois (pele oleosa é fogo), pois depois das primeiras horas (+ou-2) o brilho começa a aparecer, então continuo aplicando o pó por cima durante o dia.

A sua duração é ótima, média de 6 a 8 horas, o único problema é que não segura a oleosidade, por isso nada como um pó algumas vezes para manter a pele linda.

Conclusão: é uma ótima base dia a dia, com cobertura leve/média fica intacta nas primeiras 2 horas, mas depois quem tem pele oleosa precisa aplicar um pó compacto. Tem um bom custo benefício já que custa em média R$ 50 (comprei na Renner) e rende bastante.

Agora ganhou apenas 3 pontos porque não cumpriu os 100% que prometeu na camuflagem dos poros, além disso como tenho pele oleosa perdeu outro, que as normais e secas devem desconsiderar e considerar 4.

3 pontos